sexta-feira, 25 de janeiro de 2013

JESUS JANTOU NA MINHA CASA




Sim, Jesus jantou na minha casa. Roguei, pedi, supliquei, declarei e até determinei que ele entrasse na minha casa e na minha vida.

Queria ficar de bem com Deus chamando o seu filho para comer comigo. Imagine o privilégio de ter o filho do homem na minha mesa, já imaginou as bênçãos que eu obtive ao tê-lo no meu lar? Seria igual a ter a bíblia aberta no Salmo 23 ou 91...um amuleto.

Preparei a melhor iguaria, a melhor prataria, o melhor conjunto de mesa e coloquei minha melhor roupa até porque sou um adorador por excelência e quanto mais impressionar o “ome” melhor retorno terei dele. Com certeza alcançarei o seu favor!

Enfim o ilustre convidado chegou  meio acanhado ao ver toda opulência preparada para tal evento. Meus filhos pequenos não participaram da recepção até porque pra não constranger o convidado (acho que ele não tem paciência com crianças), minha esposa cuidou dos preparativos e assim como Marta esta ofegante a cansada para dar atenção a Jesus afinal tudo precisava estar perfeito.

Após aquele bate papo padrão nos sentamos à mesa e quando nos preparamos para as primeiras garfadas e o mestre já ia dar graças e partir o pão, adentrou ao recinto uma mulher. Minha esposa olhou em minha direção com uma expressão que dizia: “quem convidou essa mulher?” Quem seria essa mulher? Uma pecadora, claro! Uma adultera? Uma prostituta? Uma lésbica? Não importa... Ela conseguiu parar um grande evento.

Jesus olhou pra ela e apenas viu uma mulher (sem todos os adjetivos reportados por mim) e ela olhou para Jesus e viu apenas a redenção e nada mais!

Jogou-se aos seus pés, ela ousou entrar na casa de uma pessoa importante o suficiente para convidar o Rei dos Judeus para jantar. Deixou para trás todos os conceitos e preconceitos e humilhou-se para buscar apenas tão somente apenas redenção.

Enquanto os manjares a mesa esfriavam e susto passava eu esperava que ao menos meu milagre chegasse para ver o melhor de Deus, mas tive me contentar com a maior manifestação do poder de Jesus: o perdão dos pecados e como consequência a redenção e salvação!

Depois Jesus foi embora e nunca mais o vi... Acho que ele gostou mais da mulher do que de mim!

Em tempo:
Gosto do evangelho, do evangelho subversivo que usa uma mulher, uma pecadora para me mostrar o quanto eu sou um fariseu!

A Deus toda honra e toda glória!

Obs: quaisquer semelhanças com o fato descrito em Lucas 7:36-50 é mera coincidência.

Coletado em A JUMENTA DE BALAÃO

3 comentários:

  1. Blog do Professor Tim26 de janeiro de 2013 11:23

    Zílton Lima é uma das maiores inteligências cristãs da Paraíba. Seu Blog, Esquizilton, é excelente na divulgação pela Internet das doutrinas cristãs dos santos apóstolos do Senhor e Salvador Jesus. Blog do Esquizilton é maravilhosa bênção de Deus nas curas e libertações, na guerra espiritual contra o Satanás, nos exemplos de superação, na construção do Reino de Deus etc.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado, professor Tim. Só uma correção: meu nome é Zilton Alencar. Que Deus o abençoe por suas palavras generosas. SOli Deo Gloria

      Excluir
  2. O verdadeiro Evangelho é assim mesmo, valoriza aquilo que muitas vezes nós desvalorizamos.

    ResponderExcluir

Obrigado por sua visita ao meu blog. Fique a vontade para comentar os arquivos aqui postados. Eis as regras:

1. Aqui se criticam IDEIAS e ATITUDES ERRADAS, e não PESSOAS. Se você está a fim de criticar pessoas, seu lugar não é aqui.

2. Pode discordar a vontade das minhas ideias e postagens. Eu não sou o dono da verdade, e quero aprender com você. Mas quando o fizer, use linguagem respeitosa, apresente embasamento bíblico dentro do contexto, e/ou uma argumentação lógica e equilibrada;

3. Identifique-se, pois dificilmente eu publicarei postagens anônimas, exceto as que eu achar convenientes e pertinentes;

4. Não xingue! Não use palavras de baixo calão! Não me venha com frases burras do tipo "não toqueis nos ungidos", "não julgue para não ser julgado",e outros argumentos bestas, de quem não tem argumentação e quer calar os opositores na marra. Não me dobro diante de argumentos desta qualidade!

5. Não toque no passado das pessoas, seja o meu ou de quem quer que seja, com o intuito de tentar desmoralizar, mesmo que sejam as pessoas que eu estou criticando!. Eu tenho um passado podre, se vc não sabe, mas ele está debaixo do sangue de Jesus, e nenhuma condenação há para mim. O mesmo se aplica a qualquer um, mormente aqueles que já afirmaram ter se arrependido.

Deus te abençoe!

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.